É hora de cobrarmos em quem votamos

Por muitos anos tenho ouvido que o eleitor brasileiro não tem memória e logo depois da eleição não se lembra mais em quem votou. Talvez em parte isto seja verdade, pois políticos que foram manchete por conduta fora da ética terminam por se reelegerem.
Estamos em um momento onde não podemos deixar tudo na mão da justiça, temos de acionar nossos meios de fazer justiça.
Um deles é lembrarmos em quem votamos na esfera municipal, estadual e federal e cobrarmos deles um posicionamento sobre os fatos de corrupção que assolam nosso governo.
Todo político pode ser contatado, todos tem suas bases, seus gabinetes e devemos enviar-lhes nossa mensagem de indignação e acompanhar de perto aquilo que estão fazendo pelo país e se estão mesmo votando na linha do povo.
Não cabe mais nada embaixo do tapete. É corrupção demais para um país sempre tão promissor e com pessoas maravilhosas.
O lado de lá nem bandeira brasileira usa, vestem-se de vermelho, levam bandeiras vermelhas e são regados por teorias sindicais “favoricionistas” que não possuem nada de cívico.
Quem zela pelo Brasil usa verde e amarelo. Sou Cesar Romão, apenas um brasileiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pessoa positiva ou otimista

O Estado de São Paulo é a locomotiva do Brasil

Origem do Dia do Amigo